Inscreva-se !

Coloque seu e-mail aqui!:

Entregue por:FeedBurner/Cidadão Araçatuba

18 de dez de 2011

Feliz Ano Velho, tudo de mau!


E aí?


Ao ler o título com certeza alguém pensará; - Que cara doido, onde já se viu escrever isso, totalmente sem noção!

Nem me atreveria a interpelar o meu querido visitante, afinal a nossa lógica social impede que façamos algum outro raciocínio que não esse.

Estamos acostumados mesmo a seguir padrões, e para aqueles que ousam enfrentá-los são por todos julgados e sentenciados como errados, loucos, diferentes! Se bem que não estou fugindo ao padrão cotidianamente, mas nesse texto, gostaria apenas de expressar alguns pensamentos sobre coisas que há vários anos percebo não no diálogo das pessoas, mas nas suas atitudes.

Quantos de nós desejam do fundo do coração algo de verdadeiramente bom e sincero á alguém? Quantas vezes presenciamos (às vezes por estarmos ao lado de outras pessoas)  pessoas se cumprimentarem, desejarem-se coisas boas e ao virarem as costas, quanta diferença!

Existem exceções? Sim, com certeza! Mas não quero enfatizá-las, pretendo ressaltar as dúvidas!

Os “bom dia” são dados sem que essa seja a intenção real. São convenções sociais. A verdade é que quanto mais quero acreditar nas relações humanas, mais me deparo com diferenças gritantes no caráter das pessoas entre o que elas demonstram, e quem realmente são!.

Na empresa tudo continua igual...

Festa na empresa, todos se preparam para a “confraternização”, todos imbuídos do espírito natalino, que infelizmente não dura o ano todo, mas teima em reaparecer em dezembro, época em que estamos um pouco "fragilizados" digamos assim, e ainda assim nesse estado  apenas arranhamos a nossa “casca”, quando então, nos tornamos superficialmente  “pessoas” melhores.

O (a) “dedo duro”, a (o) “chefe interesseira (o)”, o (a) “invejoso” (a), o (a) “fofoqueiro” (a), o (a) “cdf”, o (a) “agitador” (a) todos povoam o mesmo ambiente, enchendo-se de guloseimas, jogando conversa fora e fazendo de conta que prestam atenção naquilo que em parte não interessa. 
As conversas fluem, as brincadeiras ficam mais interessantes com o passar do tempo, e passam do limite caso tenha álcool na parada... e ai, o  bicho pega!

De quem é a culpa? Nossa diria! Somos assim, por mais que possamos enfeitar nossos diálogos dizendo que devemos amar o semelhante, amamos quando muito apenas os mais próximos e não os semelhantes.

Até porque, gente que é muito parecido com a gente, não queremos por perto. Aliemos no outro cotidianamente a exposição das nossas fragilidades, nossos defeitos, nosso medos...

Acho que sou assim por culpa da minha mãe, do meu pai, que me ensinaram que ser cordial e educado com os outros é algo que as pessoas minimamente esperam de nós. Que no emprego, realizar as tarefas com retidão, bem feitas e corretamente é nossa obrigação, afinal, quantos querem a minha vaga? E se eu perder o emprego, quem pagará minhas contas? Na rua, sempre que possível ajudar os outros, afinal, a nossa “consciência” é nosso guia. Nos relacionamentos ser sincero sempre, afinal, o que não quero para mim... Esse estado de consciência faz um "bem", principalmente nessa selva chamada sociedade... Aprendi certo?

Que possamos tirar essa carapaça hipócrita, que possamos dizer não quando tivermos vontade de não fazer algo; que possamos ter coragem sempre de enfrentar uma situação que poderá ser desagradável, adversa, mas que exige postura firme para que possamos defender as nossas ideias e sempre que possível, reafirmá-las sempre como forma de livrar-se desse jugo e quando tivermos que desejar algo a alguém, que seja por livre e espontânea vontade e de forma sincera.

Gosto de olhar nos olhos e perceber o que a pessoa quer realmente dizer, e não apenas ouvir aquilo que ela quer passar, em alguns casos podem ser coisas iguais, em outros não. A pergunta é: - Podemos ser assimE se fizermos isso, poderemos fazer a diferença? 

Acredito que sim! 
Se você pensa diferente, se procura isso em outras pessoas. e fica contente quando encontra alguém assim, desejo à você um FELICÍSSIMO NATAL, UM MARAVILHOSO ANO NOVO E QUE REALMENTE, MAS REALMENTE VOCÊ SEJA MUITO FELIZ!

Adelle canta o amor nessa música, e ao meu ver, seus extremos- If It Hadn't Been For Love (Senão tivesse sido por amor), espero que gostem! 

Além da fantástica voz, a letra (letra aqui!) é ótima


7 comentários:

PIMENTA E POESIA (Maria Tereza) disse...

Paulo, meu amigo, estou sem palavras. E é difícil me deixar sem palavras, viu? Mesmo porque eu falo demais...!rsrs Eu me identifico com vc, assino em baixo. Procuro pessoas assim, preciso da verdade, da sinceridade e de olhar nos olhos e ler o outro. Gosto disso, não sei me relacionar de outra forma. Sinto-me presenteada por vc: sua amizade e atenção alegram o meu coração. Rimou! kk Obrigada por isso, querido. Adele é a grande descoberta musical pra mim, nesse ano. Maravilhosa........Um abração, nos falamos depois.

Cidadão Araçatuba disse...

Agradeço a suas palavras, e para mim é motivo de orgulho tê-la como amiga. Sou mal interpretado às vezes, pois falo o que penso então, já viu né...Abração e obrigado pela presença, volte sempre...

HAMILTON BRITO... disse...

Ola meu amigo, a médica quando disse : oi, papai , você por aqui estava enganada. Ela estava lá.
Moreu......
Tê, compra um dicionário r**********

Rita Lavoyer disse...

Paulo, você foi muito feliz no seu texto. O melhor a fazer, quando não encontramos as pessoas com as características que você menciona,é ser, sem fazer força alguma, o que você realmente é, Como eu acredito no poder das energias humanas, sei que estarei sempre bem onde quer que eu esteja, convivendo da minha forma. Se me vir calada, é porque estou dizendo muito no lento processo dos meus ponteiros que teimam em andar de acordo como tempo. Quando eu pesco passarinho lá em Marte, volto cheinha de coisas novas. Isso eu acho maravilhoso.
Muita paz no seu lar, na sua morada chamada Paulo.

Com isso , muito pouco será necessário.


Felicidades

Rita Lavoyer

Cidadão Araçatuba disse...

Oi Rita concordo com você, mas em marte tem passarinho? Rs...
Sou introspectivo e satisfaço-me às vezes no meu próprio mundo... Mas como é bom poder compartilhar nossos sonhos, não com semelhantes mas com pessoas que tem a mesma linha de raciocínio. Obrigado! Muita saúde, paz e felicidades aos seus e à você! Abração!

Samanta Sammy disse...

Olá querido amigo virtual !!!

Adorei a postagem !! Reflito muito sobre isso e cheguei a conclusão que se fôssemos mais verdadeiros, tudo seria tão mais fácil... as relações seriam tão mais construtivas e sinceras ! Muitos mal entendidos seriam desfeitos ou sequer existiriam...
Fomos educados assim, a ser politicamente corretos que acredito , acabamos sendo meio robóticos e automáticos, fazendo sem prestar atenção ou dar o sentimento que a situação merece !
Vamos tentar ser mais verdadeiros sim, prometo que tentarei, que darei um bom dia com o coração desejando realmente que seja bom !!!
Começo por aqui, desejando de coração que seu 2012 seja de muitas alegrias, paz, amor, saúde e sucesso e deixo um abraço apertado !!
Aproveito também para agradecer sinceramente pela amizade virtual que me ofereceu e por me ajudar no blog sempre participando com suas ótimas colocações !! Valeu por tudo !!!

Abraçossss (de novo rsrs )

Cidadão Araçatuba disse...

Oi Samanta, muito obrigado e que não apenas nesse inicio de ano, mas durante todo 2012 seus dias sejam repletos de felicidade, e se não for assim, que você encontre forças para superá-las.
Amor e paz para você também querida, grande abraço!
Tudo de bom e obrigado pela visita.

Postar um comentário

Comente, discuta, reflita, sua opinião é muito importante!.

Blogueiros unidos participam e divulgam!

Blogueiros do Brasil
Cia dos Blogueiros

Clique, conheça nossa história.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Seguidores diHITT

Seguidores

Leve o Cidadão com você!


Total de visualizações desta página.

Plágio é crime! Quer copiar? Não custa nada pedir, obrigado!

IBSN: Internet Blog Serial Number 21-08-1966-11